Livro, Resenhas
Comentários 19

A história hipnotizante de um menino africano

Existem livros infantis e existem livros infantilizados. A diferença entre um e outro é simples: os do segundo tipo subestimam as crianças. “Yakuba”, de Thierry Dedieu, está bem longe de se enquadrar no segundo tipo. Sua história simples e direta de desfecho significativo ajuda a estimular o processo cognitivo do jovem leitor. Se destaca do início ao fim.

Ao apresentar como protagonista um menino africano integrante de uma aldeia, o livro chama a atenção para uma realidade muito diferente daquela vivida pela grande maioria dos leitores, além de fugir do estereótipo de protagonista. Consequentemente, acrescenta conhecimento, abre novas portas para consciência e estimula a empatia. Em outras palavras, “Yakuba” é uma sementinha contra preconceitos.

Mas deixe-me apresentar Yakuba, porque hoje é um dia muito importante para ele, o dia em que deixará de ser apenas um menino e se tornar um grande guerreiro de sua aldeia. Para isso, ele precisa passar por um ritual: enfrentar, sozinho, um leão! O caminho é longo, perigoso e amedrontador, mas Yakuba deseja provar sua coragem. Muitas horas de tocaia depois, lá está o leão, mas de terrível o bicho não tem nada, ele está muito ferido. E agora? O menino precisa tomar uma importante decisão: liquidar o leão e tornar-se um herói para a sua aldeia ou deixar o animal em paz e tornar-se um herói aos seus próprios olhos?

Pode não ser fácil contrariar tradições, e seguir a própria consciência pode ser muito mais difícil do que parece. Aí está a verdadeira coragem. “Yakuba” é uma história poética contada de forma muito simples, tanto no que se refere à escrita quanto à ilustração: o visual “carvão sobre tela” conversa tão bem com a escolha de palavras que é quase possível ouvir os sons da selva, dos tambores, do leão. Um livro hipnotizante.

YAKUBA_1460383342577535SK1460383342B“Yakuba”
Autor: Thierry Dedieu
Editora: Galera Junior
Páginas: 40

Clique aqui e garanta o seu pelo melhor preço! Assim você ajuda o Literasutra a crescer!

Este post foi publicado em: Livro, Resenhas

por

Espécime da safra de 89. Recentemente descobriu que não consegue escolher uma coisa só, então alterna a vida profissional entre as funções de jornalista e fotógrafa. Criou o projeto fotográfico "Uma Pessoa Por Dia", onde consegue mesclar as duas coisas.

19 comentários

  1. Oi!!
    Eu já tinha lido uma resenha sobre esse livro e ele me chamou muito a atenção, gostei do que você escreveu sobre o livro e tenho muita vontade de conhecer Yakuba.
    Pelo visto para ele o mais importante é seguir o que ele deseja mesmo desafiando as tradições.
    Beijão!

    Curtir

  2. oi ^^
    pow não conhecia o livro, mas também não me senti nenhum pouco interessada pela leitura.
    acho que pelo fato de ser algo que eu não costumo muito ler eu não me arriscaria muito porque as vezes acabo pegando raiva do livro sabe? só leio mesmo quando bate a vontade e vai que um dia eu leia e goste, mas no momento passo a dica.

    Curtir

  3. Olá, tudo bem?
    Não conhecia este livro, achei a temática dele muito interessante, é um livro diferente do eu leio.
    Gosto muito do jeito que você expõe suas opiniões em suas resenhas Monalisa 🙂
    Beijos, Larissa (laoliphant.com.br)

    Curtir

  4. Olá,

    Já ouvi falar dessa obra e fiquei muito interessada por todos os dilemas que o jovem parece enfrentar. Gostei dos pontos que você destacou e fiquei curiosa para saber mais sobre o desfecho da história e como Yakuba conseguirá se tornar um herói.

    Grande Abraço
    oblogcaentrenos.blogspot.com.br

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s