Todos os posts com a tag: Thomas Mann

“A Montanha Mágica” – Magnum Opus da enfermidade

Em 1912 Thomas Mann, escritor filho de mãe brasileira e pai alemão, visitou sua esposa em Davos, na Suíça, que estava internada num sanatório para tratar a sua tuberculose. A partir dessa curta visita foi plantada a semente de um dos maiores monumentos literários do séc. XX: “Der Zauberberg” ou, em belo português, “A Montanha Mágica”. Centrada na mesma cidade, a história é considerada por muitos críticos literários como um bildungsroman (do alemão “romance de formação”, obra literária que foca nos anos de educação e formação do protagonista), já outros consideram-na uma paródia do gênero. A obra em si desafia qualquer definição que lhe é atribuída, tanto pela magnitude de assuntos abarcados (vida e morte, tempo, doença, amor, arte e política), quanto pela linguagem carregada de referências clássicas e ironia. O sanatório, localizado na Suíça, é utilizado como lente para examinar o microcosmos do zeitgeist europeu. Anúncios